.

.

Disco-livro


Fruto de um cuidadoso trabalho de pesquisa, o disco-livro Adoniran em Partitura, álbum de estreia do Conjunto João Rubinato, traz a público 12 canções inéditas do mestre do samba paulista. Compostas entre 1935 e 1970, as músicas vêm acompanhadas de suas raríssimas partituras originais e um texto exclusivo sobre o início da carreira do artista, ilustrado com fotos e reportagens da época.

Adquira o seu exemplar diretamente com o conjunto (contato).


Participações especiais

O álbum conta com a participação especial de artistas que trabalharam e conviveram com Adoniran, como Eduardo Gudin, Carlinhos Vergueiro, Osvaldinho da Cuíca e a cantora do rádio Esterzinha de Souza, além do sambista Toinho Melodia e a cantora Regina Cordovil. “Foi uma honra ter participado do projeto do Conjunto João Rubinato, com inéditas do meu parceiro e amigo Adoniran Barbosa. Trabalho sério de pesquisa e musicalmente de muito bom gosto”, aponta o músico Carlinhos Vergueiro.

Adoniran e Carlinhos Vergueiro, início dos anos 1980

Documento histórico

Além das gravações, o disco-livro traz os fac-símiles das partituras originais, apresentando-se como um verdadeiro documento histórico da música brasileira, já que preenche uma lacuna significativa da obra do maior ícone do samba paulista. Para Sergio Rubinato, sobrinho de Adoniran, este trabalho “supera em muito as inúmeras tentativas de garimpo da obra deste compositor”.


Capas de algumas partituras publicadas no disco-livro

O músico Eduardo Gudin, amigo e parceiro de Adoniran, ressalta a qualidade do “magnífico projeto do Conjunto João Rubinato, um trabalho seríssimo, com farta documentação e pesquisa, que começa na década de 1930 e revela como Adoniran foi criando essa linguagem tão pessoal, eu diria chapliniana”. E faz questão de diferenciar este projeto de outras iniciativas semelhantes, que geralmente supervalorizam suas “descobertas” e mesmo sem a devida comprovação “já vão logo gravando e tornando público o material, como verdade”.


Eduardo Gudin e Adoniran na produtora Realejo, 1981

Faixa-relíquia

Há somente uma canção deste disco-livro que não foi registrada em partitura: o samba Duas horas da madrugada, de 1970, parceria inédita de Adoniran Barbosa com o maestro Hervé Cordovil. Exemplo da minuciosa garimpagem realizada pelo Conjunto João Rubinato, esta música foi encon­trada primeiramente na memória viva de Regina Cordovil, filha do maestro; e, pouco tempo depois, em uma gravação caseira do próprio Hervé cantarolando a composição ao piano – verdadeira preciosi­dade reproduzida na última faixa do disco, carinhosamente batizada de “faixa-relíquia”, e transcrita em partitura pelo conjunto.


Cópia realizada à mão por um dos últimos copistas à moda antiga


Sobre os textos

Como abertura, o livro traz um texto exclusivo sobre o início da trajetória artística de Adoniran, ilustrado com fotos e reportagens da época. Antes de cada partitura, há breves textos com informações sobre a composição, assinados pelos músicos e pesquisadores Tomás Bastian, diretor do Conjunto João Rubinato, e Ayrton Mugnaini Jr., autor da primeira grande pesquisa sobre a obra de Adoniran Barbosa.


Repertório

1. Teu Orgulho Acabou
Adoniran Barbosa e Pedrinho Romano, 1935

2. Socorro
Adoniran Barbosa e Pedrinho Romano, 1935
- Participação Especial: TOINHO MELODIA -

3. Minha Vida se Consome
Adoniran Barbosa, Pedrinho Romano e Verídico, 1935
- Participação Especial: OSVALDINHO DA CUÍCA -

4. É Cedo
Adoniran Barbosa e Totó, 1935
- Participação Especial: ESTERZINHA DE SOUZA -

5. Teu Sorriso
Adoniran Barbosa e J. Moura Vasconcellos (Duque), 1935

6. Vem Garota
Adoniran Barbosa e Sambará, 1936

7. Mamaô
Adoniran Barbosa, Paulo Noronha
e Raymundo Chaves, 1937

8. Marcha do Camelo
Adoniran Barbosa e Cesio Negreiros, 1949

9. Chá de Cadeira
Adoniran Barbosa e Jucata, 1968
- Participação Especial: CARLINHOS VERGUEIRO -

10. Comê e Coçá, É Só Começá
Adoniran Barbosa e Geraldo Blota, 1969
- Participação Especial: TOINHO MELODIA -

11. Olhando pra Lua!
Adoniran Barbosa e Hervé Cordovil, 1970
- Participação Especial: EDUARDO GUDIN -

12. Duas Horas da Madrugada
Adoniran Barbosa e Hervé Cordovil, 1970
- Participação Especial: REGINA CORDOVIL -

- Faixa-relíquia -
13. Duas Horas da Madrugada
Adoniran Barbosa e Hervé Cordovil, 1970

Nenhum comentário: